Luximos Christie's International Real Estate

Investimentos ecológicos: conheça duas aldeias portuguesas à venda

Investimentos ecológicos: conheça duas aldeias portuguesas à venda

Na semana em que as alterações climáticas marcam a agenda mundial, apresentamos duas aldeias à venda em Portugal, perfeitas para investir em turismo ambiental.

Greta Thunberg transformou-se num movimento internacional e deu uma lição ao mundo. A jovem sueca de 16 anos começou por fazer greve às aulas para ajudar a salvar o planeta e obrigou os políticos do seu país a tomarem medidas urgentes contra as alterações climáticas. O seu apelo foi ouvido em todo o mundo e, na última semana, Greta protagonizou o discurso mais emotivo da Cúpula do Clima, na cimeira das Nações Unidas, em Nova Iorque.

É neste contexto de emergência climática que urge pensar em projetos que ajudem a salvar o planeta e incentivem um estilo de vida mais ecológico. Porque arquitetura, natureza e bem-estar podem - e devem – caminhar de mãos dadas, apresentamos duas possibilidades de investimento ecológico perfeito, a Norte e a Sul do país. São oportunidades únicas para investir em Turismo Rural, em Ecoturismo ou para conhecer o Green Visa, programa ainda em discussão destinado a Eco investimentos, que visa atrair investidores amigos do ambiente.

Aldeia encantada no norte de Portugal

Fica perto da Cascata da Frecha da Mizarela, a mais alta de Portugal continental, da belíssima Serra da Freita e dos Passadiços do Paiva, mundialmente conhecidos e inúmeras vezes distinguidos pelo World Travel Awards. A aldeia, onde outrora viveram 14 famílias, possui agora onze casas em processo de restauro numa área de quase 854 metros quadrados. Fica situada a 15 minutos de Arouca, reconhecida pelo Arouca Geopark e distinguida pela UNESCO como Património Geológico da Humanidade, e a menos de uma hora do Porto. O proprietário, apaixonado pela região e pelo projeto de reconstrução da aldeia, mas médico de profissão, tem investido na reabilitação das casas na pequena aldeia com quase cem mil metros quadrados de terreno, mas mantém à venda esse património único.

Se é verdade que os Passadiços do Paiva são o maior cartão de visita desta aldeia (nos dois primeiros meses de abertura atraíram 200 mil pessoas), é igualmente verdade que a aldeia está muito longe de esgotar-se nesse irresistível percurso de madeira de quase nove quilómetros construído ao longo da margem esquerda do rio Paiva, entre a ponte de Espiunca e a praia fluvial do Areinho. E que tem ganho distinções e reconhecimento no mundo todo, entre os quais o Prémio para Projeto mais inovador da Europa, o Prémio de Melhor Projeto de Desenvolvimento Turístico da Europa ou o Prémio para Melhor Atração Europeia de Turismo de Aventura.

O Arouca Geopark tem uma extensão de 328 quilómetros quadrados e 41 locais classificados de interesse geológico.

Selecionámos apenas 5 razões que fazem deste lugar um dos mais atrativos para turismo.

1. A vista da Serra da Freita

No fim do verão diz-se que a serra se cobre de ouro, porque todas as suas tonalidades são um imenso tom dourado. No resto do ano, a plantação, repleta de urze e carqueja, faz dela um arco-íris. Se subir à varanda panorâmica no décimo andar do Radar Meteorológico de Arouca, a mais de mil metros de altitude, avista desde a Figueira da Foz até ao Grande Porto. Mas também toda a vila de Arouca e o seu imenso património, em que se destaca um monumento megalítico com perto de 6000 anos: o dólmen de corredor da Portela da Anta, constituído por nove pedras.

2. A fertilidade da casa das Pedras Parideiras

É na aldeia da Castanheira que está a Casa das Pedras Parideiras. É um posto informativo, uma loja de produtos regionais e um centro de interpretação. É ali que é explicado o fenómeno das pedras que parecem parir outras pedras, embora se trate obviamente de uma ação dos agentes erosivos. É também ali que se conta a seguinte lenda: colocar uma pequena pedra destas debaixo da almofada ajuda a fertilidade.

3. A excelência da gastronomia

Há quem vá a Arouca só pela gastronomia, sendo a carne de raça arouquesa certificada uma das suas bandeiras. Ali quase tudo é caseiro e muitas vezes confecionado em forno a lenha. Entre as iguarias mais conhecidas estão o cabrito e vitela assada, o bacalhau na broa, o arroz de fumeiro, os rojões de redenho e o bucho cozido com molho verde. Mas não é possível esquecer a doçaria da região, sobretudo os famosos Doces Conventuais de Arouca, de que os charutos de amêndoa e as barrigas de freira são apenas dois exemplos. Destaque ainda para os licores, as compotas e o mel.

4. A magia da aldeia de Drave

No fundo da Serra da Arada, atravessado pela Ribeira de Palhais, ergue-se uma aldeia inteira de habitações de xisto, lagoas de água cristalina, bosques de bétulas e trilhos encantados, perfeitos para quem gosta de fazer caminhadas. Chama-se Drave, mas, não por acaso, foi batizada como aldeia mágica. É um lugar quase inacessível, sem um único habitante mas com muitos turistas, e onde o telefone só chegou em 1993.

5. A adrenalina dos desportos radicais

A região de Arouca oferece as condições ideais para a prática de desportos radicais e de aventura. E, por isso mesmo, eles abundam ali. Além dos obrigatórios e inesquecíveis percursos pedestres, há trilhos de BTT, passeios de jipe, por estrada e off-road, escalada, rappel, e várias atividades náuticas, como o rafting, o kayaking e o canyoning.

 

Aldeia no sul de Portugal

aldeia à venda rural restauração Norte Sul Portugal Algarve

Chegou a este momento e pensou que tudo isto é perfeito, mas, para si, a pérola do turismo nacional está no sul do país, saiba que, em Silves, no Algarve, fica a aldeia do Funcho de Diante. Abandonada em 1974, após a construção da Barragem do Funcho, a aldeia do Funcho de Diante ocupa um total aproximado de 10 hectares, sendo constituída por um núcleo residencial com cerca de 3000 m2 de área urbana. Está localizada em plena "Rota do Lince Ibérico" e oferece uma paisagem deslumbrante.

Tudo neste local é convidativo: a soberba paisagem natural que convida a passeios descontraídos junto à margem do Rio Arade, as casas tradicionais debruçadas sobre o rio, os passeios na serra, os mergulhos e as atividades desportivas de lazer no rio e, não menos importante, o sossego e a gastronomia que aqui se oferece. As condições naturais fazem desta aldeia um cenário extraordinário e o local perfeito para desenvolver um projeto turístico e sustentável em espaço rural ou um projeto ligado à saúde. Está situada a 15 minutos de São Bartolomeu de Messines e a 30 minutos das praias de Armação de Pêra.

PEDIDO DE CONTACTO
PARTILHAR EM:

Imóveis em Destaque: Porto, Norte de Portugal, Algarve

Venda de Aldeia com casas típicas, Arouca
Ref.: LS02158
€ 900 000
Venda da Aldeia do Funcho de Diante, São Bartolomeu de Messines,Silves
Ref.: 1CS00583
€ 1 800 000

SUBSCREVA A NOSSA NEWSLETTER

© 2018, LUXIMOS.  | ENTREPORTAS
Contacte-nos
Algarve
+351 289 035 465
+351 967 233 629
Porto e Norte
+351 224 057 008
+351 932 773 095